Dicas valiosas da rua 25 de março.

ACHADOS 25 de julho de 2013 13:03

Andei muito pela rua 25 de março na barra da saia da minha vó durante minha infância.

Por lá se encontra de tudo, papelaria, itens  pra cabelo, brinquedos, prata, bijouterias, tecidos, embalagens, vidros, palha, e muito mas muito acessório. Amo fazer compras de acessórios na 25.

De qualquer forma a mulher que  frequenta esse pedaço da cidade, tem seus cantinhos especiais e as lojinhas que mais se sente atraída Mas pra quem não conhece tanto, segue algumas dicas

Para chegar até a famosa rua o melhor jeito é de metrô.Linha azul, descendo na estação São Bento, saída com a ladeira Porto Geral.

É  uma baita ladeira, e é lá inclusive que estão a maioria das lojas de fantasias e muitas das lojas de  bijus e acessórios.

Miçangas e peças para montagem tem aos montes nos primeiros andares dos prédios , costumo comprar o pacote com 100 tachinhas para brinco, daqueles que segura muito bem, por R$ 10,00, chamam de berço de orelha, porque protege.

Roupas indianas e peças pra decoração a Katmandu é demais www.katmandu.com.br tem algumas outras lojas desse segmento, mas essa loja é realmente de babar!

Apesar de gostar da ladeira, não aconselho ficar somente ali, os prédios concentram uma quantidade incrivel de lojinhas bem bacanas e as ruas em suas esquinas são cheias de surpresas, vale a descida.

O bom da ladeira é que a maior parte das lojas vendem no varejo, apenas com a regra do valor minimo, entre R$ 30 e R$50,00. Então dá pra comprar bem!

Roupas e sapatos são itens que não gosto  de comprar na 25, prefiro ir até  a rua São Bento onde é possivel achar algumas peças com preços ótimos e acabamento com qualidade. Claro no Brás e Bom Retiro, que também fica na região, mas esse já é assunto pra uma outro dia.

Quando chegar cedo e tiver com aquela vontade de um cafezinho com pão de queijo vá no último andar da loja de dept. Niazi Chahfi na própria rua 25, aproveite para usar o banheiro lá sempre que for preciso.

Existem varias lojas de tecidos espalhadas pela redondeza, a principal rede varejista do pedaço é a Niazi,  no quarto andar você encontra produtos Calvin Klein com preços imbativeis, forros para almofadas, calcinhas, meia  e muito tecido.

A unidade do Jorge Azem, paralela a 25 vende somente chita e tecido de bebê. Tem bastante opções. Pra montar decorações rustícas ou com cara de verão é sensacional. Forrei tampas de caixinhas para presentes e ficaram lindas!

Pra quem gosta de prata e não quer ir até a rua Paranapiacaba, proxímo a Praça da Sé,  vá  a loja da Bia Fiore, na primeira galeria da ladeira, esquina com a Rua Boa vista, a Bia tem itens de primeira qualidade, peças lindas e preço super acessiveis.

Na Matsumoto no sentido do mercado municipal tem de tudo, linha, brinquedos, papelaria, e diversos itens para festa, achei  muito detalhe do meu casamento fuçando aquelas prateleiras, Inclusive o papel higiênico decorado, foi ali que comprei e  fez o maior sucesso na festa!

Fique sempre esperta com sua bolsa, o ideal é andar com sapato confortável e bolsa pequena somente para dinheiro, celular  e documento. É sempre bom levar dinheiro em espécie e não somente os cartões de debito e crédito .

Não se iluda, os camelôs nem sempre vendem mais barato como você imagina, pesquise, pergunte e não pare na primeira loja. As vezes o camelô  possui um item que ninguém mais tem, mas é raro. As minhas polaínas encontrei assim, numa senhora bem ao lado da Matsumoto, mas difícil acontecer.

Velas, tochas e vidro o melhor lugar pra comprá-los é nas ruas próximas ao Poupa Tempo da Sé, se for realmente preciso desça no metrô e saia pela rua do Poupa Tempo, ou então basta andar a pé até o Pátio do Colégio, parece longe mas é bem pertinho e todo mundo conhece.

Não posso deixar de falar das lingerie, cuecas e meias... Ahhh as meias, eu as adoro demais !!!

As sete oitavos e as poláinas são super praticas no inverno.   Tem diversos lugares que vale a pena olhar, mas acredito que por ter comprado sempre na São Jorge www.saojorge.com.br  me apaixonei por esse lugar, no inverno tem meia calças de todas estampas e cores com preços  inferiores ao shopping, lingerie de todas as marcas e varias roupinhas de dormir. Cuecas e meias masculinas, lá também é o lugar .

Na próxima viagem que for fazer, corre lá e compre uma coisinha diferente para dormir, ou melhor pra não dormir!

Ah! E não custa falar mais uma vez:

Cuidado com a bolsa

This post was written by

Patricia Della Torre – who has written posts on Cesto de Palha.
Dicas de moda e beleza, compra acessível, customização, brasilidade e a história da moda contada com muito estilo.

Email  • Google + • Facebook

Share Button

Deixe uma resposta

exigido

exigido

Opcional